30.4.14

Cozinha globalizada

Empadão de frango com palmito

A receita é brasileira
A saudação é suíça

Inspiração na cozinha dá nisso, rs...
Os ingredientes:
o milho e o frango são da Alemanha
o palmito é da Costa Rica
o molho de tomate é da Itália
os ovos, o creme de leite e a farinha são da Suíça
a pimenta é uma mistura da Ásia e do Brasil
o sal é do Himalaia

Adoro esse sal rosa do Himalaia!

E viva o mundo globalizado!


En Guete mitenand!
Bom apetite pessoal!

A receita peguei daqui

Continue lendo ››

28.4.14

52 Objetos - Semana 47


♥ Objeto 47

O que é: Potinho de porcelana



De onde vem: Foi comprado em uma loja da Villeroy&Boch

Onde fica: No armário da cozinha

Porque foi escolhido: Bom, quem acompanha o blog já deu para notar que eu adoro uma porcelana e uma louça, rs... Esse potinho de porcelana é á única coisa da marca Villeroy&Boch que eu tenho. Os produtos desta marca são lindíssimos, e geralmente bem caros! Quando eu vi esse potinho em promoção, não pensei duas vezes e comprei! Originalmente o potinho seria um porta-geléia, mas como pouco consumimos geléia aqui em casa, eu o transformei em açucareiro.

Continue lendo ››

22.4.14

52 Objetos - Semana 46


♥ Objeto 46

O que são: Garrafinhas decorativas



De onde vieram: As duas garrafinhas que são iguais foram compradas na Ikea e a que está com a orquídea artificial era um vidro de azeite que transformei em vasinho

Onde ficam: A garrafinha com a orquídea fica permanentemente na bancada da cozinha, as outras duas ficam na varanda ou na mesa durante a primavera verão.

Porque foram escolhidos: Eu adoro comprar flores para enfeitar a casa, porém o inverno daqui é muito longo e nem sempre dá para ter flores frescas em casa, então acabo improvisando alguma decoração com flores artificiais mesmo. A garrafinha (que virou vaso) com a orquídea foi o primeiro objeto decorativo que coloquei na cozinha e adorei o resultado. Achei que ela deu um toque bem delicado no ambiente. Não sou das pessoas mais criativas do mundo, mas de vez em quando consigo improvisar alguma coisa bacana, rs... Já as outras duas garrafinhas ficam guardadas na maior parte do ano, pois acho que as florzinhas que combinam com elas tem cara da estação de primavera-verão, então nesta época elas ficam ou na mesa de jantar, ou na bancada da cozinha ou na mesa da varanda. Quando encontro flores naturais substituo as artificiais por elas. Esses são três objetos bem simples, mas que acho super bonitinhos e delicados. Isso prova que coisas simples também podem dar um toque bem charmoso em uma casa.

garrafO quê: Garrafa de vidro decorativa
Onde: Na bacada da cozinha, ou no buffet
Origem: comprei na Ross, por 3 dólares - See more at: http://www.coloridavida.com/blog/tag/52-objetos/page/3/#sthash.53D3uUJm.dpuf
O quê: Garrafa de vidro decorativa
Onde: Na bacada da cozinha, ou no buffet
Origem: comprei na Ross, por 3 dólares - See more at: http://www.coloridavida.com/blog/tag/52-objetos/page/3/#sthash.53D3uUJm
O quê: Garrafa de vidro decorativa
Onde: Na bacada da cozinha, ou no buffet
Origem: comprei na Ross, por 3 dólares - See more at: http://www.coloridavida.com/blog/tag/52-objetos/page/3/#sthash.53D3uUJm.dpuf
O quê: Garrafa de vidro decorativa
Onde: Na bacada da cozinha, ou no buffet
Origem: comprei na Ross, por 3 dólares - See more at: http://www.coloridavida.com/blog/tag/52-objetos/page/3/#sthash.53D3uUJm.dpuf
Continue lendo ››

14.4.14

52 Objetos - Semana 45


♥ Objeto 45

O que é: Minha casa

Onde fica: na Suíça, no cantão do Aargau



Porque foi escolhido: Acho que a casa da gente é a representação mais fiel de nós mesmos, dos nossos gostos e do nosso estilo de vida. É o nosso "objeto" de refúgio, o nosso porto seguro. Semanas atrás estive trabalhando (pena que temporário!), e era tão bom, depois de um dia de trabalho, chegar em casa e descansar...

Quando nos mudamos para essa casa, precisei de um tempo para me acostumar, porque morávamos exatamente no centro de Zurique e agora moramos em um local mais residencial. A minha única ressalva antes de nos mudarmos era que não fossemos parar "no meio do mato", rs... Para nós era importante não ficarmos distantes da cidade. Demorou, mas encontramos um lugar pra morar, que está há somente 30 minutos distante de Zurique. Além disso, estamos praticamente ao lado do centro de outras duas cidadezinhas.

A minha casa ainda não está do jeito que eu quero. Ainda temos móveis pra comprar, um canto aqui e outro ali para decora e etc... mas aos poucos vamos deixando ela do nosso jeito. Adoro a minha casa!

Continue lendo ››

8.4.14

Baden

Em fevereiro fui convidada por uma amiga para o seu chá de bebê, que aconteceu na região de Baden, aqui na Suíça. Aproveitei e fui mais cedo para dar uma volta pela cidade, já que eu não voltava a Baden a um bom tempo.



Lá pude comprovar que a cidade continua uma gracinha, como já dizia a saudosa Hebe. Pequena e com um comércio razoável, é muito fácil, rápido e agradável de se perambular por lá.


Baden está localizada no cantão do Aargau. Turisticamente ela não é muito conhecida ou visitada (eu acho), mas a cidade é um importante centro industrial, sendo que importantes empresas estão lá localizadas.

Rua do centro histórico e as ruínas do castelo ao alto

A cidade está localizada às margens do Rio Limmat. Segundo informações da Swiss info, no passado a cidade foi muito famosa devido as suas águas termais e medicinais que prometiam alívio para doenças como o reumatismo. Isso fez com que personalidades como Goethe e Nietzsche procurassem as termas de Baden para relaxar. Hoje em dia, além das termas públicas, a cidade conta uma variedade de spas e  hotéis que oferecem programas de banhos relaxantes e tratamento para um relax day.

Homem correndo em direção ao Limmat. Na Suíça não importa o clima, em qualquer lugar
que se vá você verá alguém praticando esporte.

O centro histórico, rodeado de ruazinhas tortuosas, é fechado à circulação de carros, o que dá lugar a a bikes e bastante gente circulando por lá aos finais de semana.



Além disso, as charmosas casas com a arquitetura em estilo enxaimel também estão presentes pelas ruas da cidade. É tudo tão antigo e ao mesmo tempo tão preservado, que qualquer caminhadinha por lá já te oferece um passeio arquitetônico.



Acima, casas com a fachada em estilo enxaimel e abaixo, casas com beirais pintado (dachhimmel) semelhante
às construções da cidade de Aarau.



Há dois anos atrás estive no Casino de Baden para comemorar o ano novo.  E lembro que foi bem legal!!

Fica a dica de uma cidadezinha que está localizada a menos de meia hora (de trem) de Zurique, boa para um passeio sem muitas pretensões. Não tenha pressa e aproveite para prestar atenção nos detalhes. Vale a pena!

Viva Baden!! :-)

Continue lendo ››

7.4.14

52 Objetos - Semana 44

♥ Objeto 44

O que são: Plantas

De onde vieram: Foram compradas em algum garten center 

Onde ficam: Essas da foto ficam na sala



Porque foram escolhidas: Eu não imagino mais viver em uma casa sem plantas. Acho que elas dão vida a um ambiente, não importa o tamanho. Planta é uma coisa que eu, vivendo em São Paulo, não tinha muito contato. Somente aqui na Suíça é que tomei mais gosto pela coisa. Se bem que, na verdade, o cuidado da maioria das plantas que temos em casa, é mais da responsabilidade do meu marido, que herdou o gosto através da mãe dele. As plantas que escolhemos não exigem tantos cuidados, somente água e de vez em quando algum fertizante e só. Além disso, plantas, principalmente no inverno ajudam a melhorar o ar da casa, quando os aquecedores ficam a ligados a todo o vapor. Verde em casa é vida. Adoro!
Continue lendo ››

4.4.14

O Brasil no Shopping Glatt

Por causa da Copa, o Brasil está sendo mesmo o tema do momento. Aqui na Suíça conheci desde pessoas que tinham um autêntico interesse pelo Brasil e conheciam muito mais do que o samba e o futebol,  a àqueles que tinham aquela visão estereotipada do país, que todos nós sabemos qual é.

Fato é, que não dá para deixar de falar do Brasil, principalmente no exterior, sem tocar no tema da exuberância da nossa fauna, do futebol, do Lula (se fala mais nele do que na Dilma) e, infelizmente, da criminalidade e da violência.


Bom, voltando ao shopping... O Shopping Glatt, que fica em Wallisellen no cantão de Zurique, resolveu entrar na vibe da Copa do Mundo e criou um espaço temático por lá, com muito verde e amarelo em homenagem ao Brasil.


Na verdade o espaço foi pensando no Rio de Janeiro, pois ele traz uma estátua do Cristo, além do aviso na página do shopping na internet advertindo para "aproveitarmos a atmosfera especial do Rio de Janeiro e a alegria que dá estando entre o Pão de Açúcar e o Corcovado".


O fusquinha homenageando o Brasil. Dentro dele são depositados
cupons para concorrer a uma viagem ao Brasil, bolas, camisetas e etc...


O Glatt é um dos maiores, senão o maior shopping de Zurique. Depois de alguns aninhos morando aqui eu até acho o Glatt grande também, rs... porque por aqui nunca vi nenhum mega-shopping, desses que estamos acostumados a ter no Brasil, então o Glatt tá de bom tamanho pra mim também. Para os suíços, o Glatt é sim, um mega shopping :-). As pessoas aqui estão mais familiarizadas com o comércio de rua, então o conceito de shopping é bem diferente do que estamos acostumados no Brasil.

Relógio da Swatch em homenagem a Copa: 75 francos


Por quase todos os angulos só se vê verde e amarelo no Shopping Glatt

Só sei que lá no Glatt, eu aproveitei pra matar a saudade de uma comidinha brasileira! Fui de moqueca de camarão, que veio acompanhada de arroz. A couve a menina colocou de chorinho. Tomei também um suquinho de graviola e fiquei toda feliz!



Eu, sinceramente, torço muito para que a Copa não seja um mico, um fiasco.


Porque é muito difícil ouvir um estrangeiro falar mal do Brasil. Mas triste é mesmo saber que, na maioria das vezes, as críticas têm fundamento...

Que ódio desses governantes que deixaram a criminalidade e a violência tomarem conta do país. Será que um dia isso vai melhorar?

Continue lendo ››

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...