30.6.13

52 Objetos - Semana 6


♥ Objeto 6


















O que são: Gravuras emolduradas do Hundertwasser

De onde vieram: Foram compradas no museu Hundertwasser em Viena

Onde ficam: Na parede do corredor, na entrada de casa

Porque foram escolhidos: Compramos essas gravuras quando fomos a Viena (cidade que amei!!) e visitamos o museu Hundertwasser. Gostamos muito das telas que vimos lá, e na lojinha do museu escolhemos estas duas.

A moldura deste quadro foi feita pelo meu marido. Nós compramos a tela, mas não compramos a moldura no museu de Viena, achando que seria fácil encontrá-la depois. Ledo engano. As telas têm as medidas de 48x48 e não encontramos nenhuma moldura pronta neste tamanho, rs... Mandar fazê-las aqui na Suíça ficaria mais caro do que as telas, então compramos pedaços de madeira, pintamos, colamos e assim improvissamos a moldura.


Museu Hundertwasser em Viena


Quer saber mais sobre do que se trata o Projeto 52 Objetos? Clique aqui.

 ps: outras telas também aparecerão na continuidade desta série.

Continue lendo ››

26.6.13

Gengenbach

Gengenbach é mais uma linda cidadezinha alemã da região da floresta negra. Ela está localizada no distrito de Ortenau, que pertence a Baden-Württemberg. A cidade também está próxima a Triberg, lá onde vimos os relógios Cuco.


A cidade é bem pequena e pode ser vista em algumas horas. Ela é também é muito visitada e tem diversos restaurantes e alguns cafés bem charmosos.



O centro antigo de Gengenbach tem a arquitetura medieval toda preservada e a cidade de tão típica, tradicional e bonita, parece até cenário de filme. E por falar em filme a cidade serviu de locação para o filme Charlie e a fábrica de chocolate.


O único incoveniente é que eu achei a cidade com muitos carros. Pelo menos no centro da cidade eles poderiam ser limitados. Mesmo assim a visita valeu a pena!


Saindo um pouco do centro, do outro lado da cidade, as casas tem a arquitetura bem parecida com a da região da Alsacia, aliás geograficamente ela fica bem próxima a Estrasburgo na França e somente há alguns quilômetros de Freiburg.


Uma gracinha de rua. Olha só que mimo essas florzinhas na janela...


 No sábado em que visitamos a cidade acontecia uma feirinha no centro e eu fiquei imaginando que lá no tempo medieval o comércio era assim também, pelo que já vi em filmes, já que no Brasil nós não vivemos essa época.


Geléias, aspargos, produtos da agricultura regional e outras coisinhas estavam sendo vendidas por lá. Eu comprei duas caixinhas de morangos e fiquei feliz da vida porque eles estavam docinhos e não como aqueles morangos que comprei no início da estação.


Depois deste passeio é que eu fiquei sabendo que a cidade tem o maior calendário do advento do mundo. Imagino que a época do Natal a cidade deve ficar ainda mais bonita. Mais um motivo para voltar lá :-).

Continue lendo ››

24.6.13

Triberg - a cidade dos relógios Cuco

A cidade de Triberg, que fica na região da floresta negra na Alemanha, é conhecida pelas suas fábricas e lojas de relógios cuco. Embora o Cuco tenha "nascido" na cidade de Schönwald, também na floresta negra, foi em Triberg que ele ganhou fama.

Cidade de Triberg, na região da Floresta Negra, Alemanha.

A cidade é visitada por gente do mundo inteiro, todos em busca e encantados pelos graciosos relógios de parede.



A impressão é que a cidade de Triberg vive em função dos relógios cuco. Lá podem ser encontradas inúmeras lojas, com relógios de todos os tipos e para todos os bolsos.


Entramos em muitas lojas, mas não fotografei tudo que vi, haviam relógios super elaborados, que também tocavam músicas, todos talhados em madeira e feitos a mão. Vi relógio de até cinco mil euros!! 



Na cidade de Schonach, vizinha a Triberg, está o que foi o primeiro e o maior relógio cuco do mundo.



A casa com o relógio cuco, fica aberta ao público, e claro, que lá há também uma loja de relógios cucos. A variedade parece ser menor, quando comparadas às lojas de Triberg, entretanto achei que lá os relógios eram mais em conta. Quem tiver interesse em comprar um, vale a pena passar por lá primeiro e comparar os preços. 

Casa do Cuco em Schonach

Os visitantes ficam esperando para ver o cuco sair da casinha e ouvir o cu-co, cu-co :-).

Olha o cuco ai :-)

O som e o passarinho podem até ser bonitinhos, mas a verdade é que os cucos são péssimos pais.  A mãe-cuco procura um ninho de outro pássaro para chocar o seu ovo. Ela fica observando os ninhos alheios e quando há uma chance, ela joga fora um dos ovos do ninho e põe o seu ovo lá para que a outra família de passarinhos crie o seu filhote. Sacaninha ela né!?

O passarinho cuco por sua vez, ao nascer, joga fora do ninho os ovos ou as crias que já estavam lá, ficando assim sozinho e sendo alimentado pela "mãe-adotiva", que nada percebe, e cuida dele com todo amor e carinho. Por isso que na Alemanha, quando o bebê não se parece com os pais, ou se há suspeita de que houve uma puladinha de cerca, as pessoas falam que o bebê é um kuckuskskind (bebê cuco).

Continue lendo ››

23.6.13

52 Objetos - Semana 5


Objeto 5











  
















O que é: Pedra de Ametista

De onde vem: Ouro Preto e Chapada Diamantina

Onde fica: Na sala, em baixo da mesa de centro

Porque foi escolhido: Eu adoro estas peças de ametistas. A pedra de ametista maior compramos em Ouro Preto, na nossa última viagem ao Brasil. Visitamos algumas das cidades históricas de Minas Gerais e adoramos. Eu gosto muito de pedra brasileira e o marido mais ainda. Queríamos mesmo comprar uma peça grande, (capela), mas o transporte ficaria muito caro. :-(.


Ouro Preto

Na loja de Ouro Preto, a vendedora disse para que de vez em quando eu deixasse a pedra tomar chuva para energizá-la, mas nunca fiz isso, sempre me esqueço :-(.

A pedra menor compramos em uma viagem à Chapada Diamantina na Bahia. Ô lugar lindo!!!

Poço Azul, Chapada Diamantina


Continue lendo ››

19.6.13

Flores, sol, luz e calor

Finalmente o verão chegou na Suíça! O país está repleto de sol, luz e energia! Incrível como que com o sol tudo muda!


As pessoas ficam mais alegres, as flores surgem, tudo fica verde novamente, enfim, é a vida que chega e que segue.

Apareceu a margarida aqui em casa :-)
Uma das coisas que eu mais gosto nesta estação são as flores, e de pensar que no Brasil eu quase não ligava para elas. Shame on me :-(. Mas agora estou tentando me redimir e nesta estação aproveito para ter vasos de flores pela casa. E eu até ponho a mão na massa e replanto as flores em um novo vaso.


Estou ainda no começo, mas estou curtindo tanto este novo hobby, que sempre, ao ir a um Garten Center ou quando passo perto de uma floricultura, fico com vontade de comprar um vasinho novo.

Esses dois vasinhos estão nas janelas de casa


Perto de onde eu moro há uma floricultura onde eles mesmos produzem e vendem as flores, ervas e outras pequenas plantas que eles cultivam. Acho ótimo, porque comprar direto do produtor é sempre melhor!

Lá comprei as verbenas...



as fucsias (primeira foto) e essa outra florzinha chamada Neu-Guinea...



e os gerânios







Aos poucos vou deixando a varanda florida e verde. Embora os dias de verão sejam longos, o período do verão em si é curto, por isso temos que aproveitar todo o tempo possível ao ar livre.






E que os raios de sol brilhem por aqui durante muitos dias!

Bom verão :-)

Continue lendo ››

16.6.13

52 Objetos - Semana 4


♥ Objeto 4

O que são: Bonequinhas de pano

De onde vieram: Do Peru
 
Onde ficam: Na estante, em um dos quartos



Porque foram escolhidas: Infelizmente eu ainda não conheço o Peru. Marido adora o país e já esteve lá duas vezes. No Peru ele comprou essas duas bonequinhas, feitas à mão pelo povo indígena de lá, em uma das suas viagens e posteriormente me deu de presente. Elas não são lindinhas? :-). Adoro!!!
 


Continue lendo ››

13.6.13

Nomes favoritos na Suíça - Hitparade

Desde 1987 o Instituto de Estatística avalia os nascimentos e os primeiros nomes das crianças nascidas na Suíça. Os nomes são fornecidos pelos serviços de registro civil, juntamente com os dados demográficos sobre os nascimentos em cada cantão.

Aqui na Suíça, algumas famílias "informam" o nascimento do novo membro da família através de um plaquinha que é colocada na janela ou na frente da casa, como essas:




De acordo com os últimos registros feitos em 2011, foram registrados 80.808 nascimentos na Suíça, sendo 39.182 meninas e 41.626 meninos.

Na Suíça alemã o nome Mia é desde 2011 o nome mais popular para meninas, seguido por Lena e Elena. Para os meninos, os nomes Noah, Luca e Leon apareceram em primeiro lugar.

Na parte francesa da Suíça, desde 2004 Emma é o nome favorito para meninas, seguida por Chloé e Lara. Já para os meninos, Gabriel foi em 2011 o favoritíssimo, seguindo por Noah e Natan.

Na Suíça de lingua italiana em 2011, Mattia, Leonardo e Alessandro, seguidos por Giulia, Sofia e Emma ficaram nas primeiras posições.

Já a região de língua romanche - mais um idioma oficial da Suíça, embora pouco falado - a distribuição dos nomes variou pouco de ano para ano, devido ao pequeno número de nascimentos registrados lá. Em 2011 os nomes escolhidos para meninos foram Flurin, Luca, Nino e Noah e para meninas os nomes favoritos foram Anna, Laura, Lena e Madlaina.

Confira o Hitparade dos nomes por região:



Eu confesso que fiquei surpresa com a preferência pelo nome Emma para meninas, em três dos quatro cantões da Suíça. No Brasil lembro que só vi pessoas mais "velhas" com este nome. O nome Noah é um boom por aqui, só não apareceu no cantão italiano. E ai, gostaram dos nomes?

 Fontes consultadas:

1. http://www.bfs.admin.ch/bfs/portal/de/index/themen/01/02/blank/dos/prenoms/01.html

2. http://www.beliebte-vornamen.de/2607-schweizerische.html


Continue lendo ››

11.6.13

Sorteio que eu ganhei!!

A querida Joana, que é a própria boneca, do blog Boneca de Neve, fez há alguns dias atrás um sorteio no blog dela e fui euzinha a ganhadora. Viva!!  \o/ \o/ \o/ \o/ \o/

No dia do sorteio eu havia escrito uma carta para Santa Clara, pedindo sol e acabou que eu acho que ela também me deu uma mãozinha no sorteio, não?!

A encomenda chegou aqui em casa no dia 05 de junho (dia 06 foi meu niver!!) :-). Enfim, ganhei o dia!



Adorei os mimos da Suécia!!! Adoro conhecer produtos de outros países. Eu não conseguia mais parar de comer as balinhas de marshmallow que vieram no pacote, rs.... Ainda tinham chocolates, chá, um docinho sueco, um filme, creme para as mãos, shampoo, colherzinha, descanso de panela, manteiga labial e um cartãozinho bem fofo :-). Amei tudo!!  ♥ Obrigada Joana! ♥

Adoro os contatos/amizades que fiz na blogosfera :-) É muito louco isso, pois embora eu não tenha conhecido nenhuma blogueira pessoalmente, eu sinto um carinho verdadeiro por vocês, que participam deste espaço, que começou assim meio que do nada, sem eira nem beira, rs...  :-). A troca que temos aqui é algo muito especial pra mim. Adoro vocês! Beijosssss

Continue lendo ››

9.6.13

52 Objetos - Semana 3


♥ Objeto 3


O que é: Passe de trem para viajar dentro da Suíça


De onde vem: Foi comprado na estação central de trens de Zurique

Onde fica: Em uma pasta, junto com outros documentos

Porque foi escolhido: Com este ticket eu passei as minhas mais longas férias na Suíça. Com ele viajei de trem durante 22 dias e pude conhecer muitas cidades, um pouco da cultura suíça, museus, comidas daqui e etc... Escolhi esse "objeto" pois os dias em que passei viajando e conhecendo um pouco deste país significaram muito pra mim. Foi também neste ano que planejamos a minha mudança para a Suíça, um país que eu amo tanto quanto o Brasil.


Feliz nos alpes suíços :-)




Continue lendo ››

5.6.13

Shampoo antikalk

Já contei aqui como eu sofro com a água calcária da região onde eu moro. A maioria das pessoas que vem do Brasil para cá, no início também sofrem com a água calcária.

Depois, já que não tem muito jeito mesmo, a gente acaba se acostumando a viver com o kalk e aprendemos a usar os produtos certos para a limpeza da casa, da pele, do cabelo e por ai vai.

Esses dias, batendo perna por ai, acabei encontrando em uma loja de departamentos (Coop City), um shampoo e um condicionador com agente anti-kalk. Não sei se eu sou desligada, mas eu nunca tinha visto antes produtos com agente anti-kalk (calc) para o cabelo. Não pensei duas vezes e comprei shampoo e condicionador. Eles são da Garnier da linha Fructis.


Comprei sem muita empolgação, mas para a minha surpresa, eu adorei o efeito do shampoo! O condicionador eu achei bem normal, nada demais, porém usando esse shampoo com um creme de tratamento, eu percebi outro efeito no meu cabelo. 

Já lavei o cabelo com este shampoo três vezes e não senti o cabelo "pesado" como quando eu lavava com um shampoo normal, sem o tal agente anti-kalk.

Além disso, essa linha é livre de corantes, silicones e parabenos e promete fortalecer os cabelos. Gostei! Acho que para quem vive em regiões com a água muito calcária, vale a pena experimentar. Cada um custou cerca de cinco francos.

Só não deixem no banheiro junto com o shampoo do seu companheiro, senão corre o risco de acontecer com ele o que aconteceu neste vídeo, pois o cabelo fica soltinho, soltinho... :-) rs... :

 


Continue lendo ››

3.6.13

Friedrichshafen

Foi no mês de abril, em um domingo ensolarado, que visitamos essa cidade alemã localizada às margens do Bodensee. Lembro perfeitamente deste dia, 14 de abril, pois um dia antes foi aniversário do maridão :-) e um dos poucos, senão o único, final de semana ensolarado de abril.

Neste dia Friedrichshafen estava tomada de gente. Parecia que todo mundo tinha resolvido sair na rua, afinal já estavamos estamos há tanto, mas tanto tempo sem ver a luz do sol, que parecia que estava todo mundo renascendo das cinzas, rs...


Foi só o sol surgir que as pessoas começaram a sair desgovernadas pelas ruas. A pé, de bicicleta, com cachorro, com crianças, de carro, de trem, enfim todos pareciam alucinados pela presença do sol. Quando a gente mora no Brasil não dá pra ter sequer uma idéia de como o sol faz falta na vida da gente. Foi este ano que eu entendi isso.

Difícil conseguir um lugarzinho para um café

Olha quanta bicicleta

Friedrichshafen (Hafen=Porto, Friedrichs hafen: Porto do Frederico?)  pertence ao estado de Baden Württemberg, localizando-se entre a Suíça e a Austria.

A cidade tem uma vista linda do Bodensee e das montanhas que estão na parte suíça e na parte austríaca.



Os suíços e os austríacos ficaram com os Alpes e os alemães ficaram com a melhor vista deles :-).

 
 
 
Friedrichshafen é também conhecida por ser a sede da firma "Zeppelin" e tem até um museu dedicado a esta aeronave. O conde Ferdinand von Zeppelin que nasceu em Konstanz , foi quem desenvolveu este "aviãozinho" que leva o nome dele. 

Acabou que eu tirei pouquíssimas fotos do museu...



1930 foi o ano do primeiro vôo do Zeppelin pela América Latina. Esta aeronave chegou a ter uma rota regular para o Brasil.


Uma das "salas" do Zeppelin
Em 1937 houve o pior acidente envolvendo um Zeppelin, que explodiu durante um vôo perto de Nova Iorque.

Achei interessante esse recibo da Casa Coutinho de Recife, de 1930, escrito em alemão, constando os artigos fornecidos para a tripulação do Zeppelin.



Lembrei de escrever este post porque queria reviver algumas tardes de sol, rs... Ah verão, que saudade de você!!


Continue lendo ››

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...